ŞEYMA GÜR

No pátio da mesquita Şehzadebaşı, em Istambul, há uma árvore que está lá há vários séculos.

Da parte de trás de seu tronco, restou pouco. Na realidade, é somente uma casca…

Mas todo corpo de árvore pode sustentar os seus galhos, e daqueles galhos nascem folhas de uma verde vívido.

Em forma de linguagem se diz que:

A vida é um segredo, e este segredo pertence ao proprietário da vida.

Eu sou um galho seco, mas meus filhos são os meus galhos e minhas folhas são bastante jovens.

Quer dizer que, minha fragilidade é apenas uma cortina, por trás dela esconde um segredo…

Ya Hayy (ah, meu Deus!)