Princípio da Fé

O islamismo como religião foi instituído tendo como uma de suas mais importantes taregas a instrução da fé (iman). A fé tem grande importância para a vida humana. Said Nursi disse que crer em Deus é a maneira de compreender o seu Criador enquanto Criador. E apenas o crente chegará à condição de segurança e de viver em paz.

A boa fé, segundo Said Nursi, consiste em acreditar em Deus, nos anjos, nos profetas, nos Livros Sagrados, a seguir o taqdir.

A função da fé é aproximar o crente de seu Criador. A fé se aproximará dos seres humanos por um conjunto de fatores e eles dependerão de Deus. Ela mostrará as qualidades de Deus dentro do próprio crente. A fé orientará o coração, a mente, a atitude e a conduta com a orientação de Deus, para que ele se encontre boas ações (ihsan) em sua vida.

Aparentemente, Said Nursi acreditava que a fé é o recurso de vitalidade para o desenvolvimento intelectual do homem. Ele disse que um homem tem fé na religião por meio do inquérito (al-iman al-haqiqi), não através da imitação (al-iman al-taqlid) para sempre ver as coisas limpas, livre de preconceito, pois o objetivo de sua vida é ridhallah.

“Um muçulmano”, de acordo com Said Nursi, e como afirmado por M. Yakan Yavuz, “deve se perguntar por que ele foi criado e como é possível a existência. Depois de se tornar consciente dessas questões, os muçulmanos podem construir uma comunidade com consciência.

Ele argumentou que todas as virtudes – justiça, paz, honestidade, integridade e amor – emanam da fé em um juiz superior e em preceitos morais religiosamente fundamentados, enquanto que a anarquia, o egoísmo, a opressão e a pobreza são todos resultados da falta de fé e dos princípios morais “.

A fé serve para fortalecer a espiritualidade e como filtro para sua moralidade. Apesar disso, Said Nursi acreditava que, como a religião é inata a natureza humana, a falta de religião é a fonte de muitos conflitos e guerras.

Segundo Said Nursi, a fé é o resultado de onde a ausência de Deus no espaço público. Como solução ao problema, ele sugeriu trazer Deus de volta ao espaço público. E a única maneira de gerenciar essa tensão é desenvolvendo uma conexão completa com Deus.

Conectando-se a Deus como prova da fé religiosa humana (hablum minallah), e a aplicação da fé por cada pessoa em sua própria vida e sociedade como princípio de fraternidade, a fraternidade se torna fonte de paz e harmonia (aforum minannas).